#15 | Quando eu olho para atrás, a única certeza que eu tenho é...


...de que não havia outro modo de viver o que eu vivi no passado. Eu nunca, em hipótese nenhum pude pensar em passar por tais coisas sem enlouquecer. No fundo eu perdi um pouco da minha sanidade. No fundo eu fui completamente sã. 

Eu nunca imaginei ter essa força interna (embora eu me ache a mais fraca dos seres humanos). Momentos vividos até hoje, momentos que eu não consigo me imaginar passando.

Eu só consigo pensar que só pode ter um propósito muito grande pra eu ter conseguido atravessar tudo isso - embora eu traga marcas profundas das batalhas. Não é possível que todo o terror psicológico tenha sido em vão...

Em vão ou não eu vou seguindo, aos trancos e barrancos mas vou. Eu não tenho alternativa a não ser seguir em frente. Sempre.

Share This Article:

,

CONVERSATION

0 comentários :

Postar um comentário