O tema surgiu enquanto eu visitava algumas páginas, quando uma em especial me chamou a atenção. Uma mulher, muito bonita por sinal (você pode segui-la clicando aqui) como mostra a imagem abaixo:


E vos pergunto: onde a moça acima é gorda? Sim, pois o termo "plus size" referem-se àquelas que usam acima de 44. Mas existe uma modelagem padrão que indique se você é "plus  size" ou não?

Bem, uma vez ouvi que as modelos (pelo menos as de passarela) eram magras, pois elas serviam de "cabide" para as roupas.  Nesse ponto até concordo, pois é mais fácil apertar uma roupa do que alarga-la. Por outro lado, acho que grande parcela da humanidade não tem o mesmo biotipo das top models. 

Acho que, o  fato dessas mesmo top models estarem cada vez mais magras agrava  e muito a situação. Uma mulher que veste manequim 42, que na minha humilde opinião, é uma pessoa magra, seja considerada Plus Size. Por acaso, pra ser modelo de passarela, existe um manequim "padrão"?

Também não concordo muito com esse termo "beleza  real". Pois me passa a sensação de que eu tenho que ter uns 120KG para me encaixar nesse tipo de beleza. Ou me parece que só as "gordinhas" (apelidinho que me parece  mais ofensivo do que "gorda") são as que se encaixam no padrão "beleza real". Então eu, que uso 44/46 não sou real? Minha mãe que veste 42/44, e é magra também é plus size?


#DropThePlus (#AbandoneOPlus) é uma campanha idealizada pela Ajay Rochester para acabar com o termo "plus" para referir - se àquelas que não possuem um corpo esqueléticos para as passarelas.
Ela defende que o termo é depreciativo, mostrando que, no mundo da moda, o que é maior que 38 é algo ruim,  incorreto.  E você... O que acha sobre o assunto? Deixe sua opinião nos comentários.

Deixe um comentário